Menu

Julho 2017

21 de July de 2017

 

LEIA AQUI

 

Prezados leitores, o Boletim BMJ desse mês conta com reflexões dos mais variados temas, com relevância tanto no âmbito nacional quanto internacional. Um exemplo são as mudanças nas relações econômicas que têm feito com que nações ao redor do mundo pensem sobre a necessidade de reforma em suas estruturas tributárias. Por isso, o consultor em Análise Tributária, Alexandre Andrade, analisa as duas propostas de reforma tributária em discussão nos Estados Unidos: uma do Presidente Trump e outra do Partido Republicano.

Em relação ao contexto brasileiro, sabese que o setor portuário é de suma importância para a economia do país. Entretanto, a ineficiência – sobretudo relacionada ao excesso de burocracia e à falta de infraestrutura adequada – presente nos portos brasileiros impacta direta e negativamente as operações de comércio exterior. Para entender o que o Brasil está fazendo para mudar esse quadro, Monica Rodriguez, nossa consultora em Comércio Internacional, entrevistou Ogarito Linhares, diretor de Outorgas Portuárias da Secretaria de Portos, vinculada ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

Em meio aos últimos acontecimentos relativos à cadeia produtiva de carne bovina no Brasil, a consultora em Assuntos Regulatórios, Thaís Uchôa, comenta sobre os esforços do Ministério da Agricultura no combate à doença da febre aftosa, e explica sobre o uso da vacina em animais e o impacto das reações vacinais nas exportações de carne e, consequentemente, na economia.

Na sequência, o novo consultor em Relações Governamentais, Raphael Lagnado, apresenta uma interessante abordagem sobre a crise do Qatar – provocada pelo rompimento das relações diplomáticas com a Arábia Saudita e seus aliados –, delineando seus desdobramentos macroeconômicos.

Na seção “Comércio em Foco”, divulgamos o perfil da Espanha, um dos principais países incentivadores da conclusão de um acordo de livre comércio entre a União Europeia e o Mercosul.

Na matéria de capa, contamos com a contribuição do coordenador da área técnica do Instituto Pensar Agropecuária, Gustavo de Assis, para debater sobre a aquisição de terras por estrangeiros. Trata-se de um tema extremamente importante e que aguarda o devido tratamento no Brasil, diante do novo contexto globalizado de economia. Em seu artigo, é demonstrado que essa temática está sujeita a preconceitos e argumentos equivocados que inibem a discussão e o desenvolvimento econômico e social no país.

Por fim, apresentamos também a a agenda da Organização Mundial do Comércio (OMC) referente a julho e um balanço dos principais acontecimentos de junho.

 

 

CATEGORIA:

Press office